Cipó café adorado  pelas Abelhas floresce no outono

Clique no botão ao lado para assistir ao vídeo relacionado ao produto.

Assistir Vídeo

Cipó café adorado pelas Abelhas floresce no outono

Código: RSWYRAEM4 Marca:
Selecione a opção de Quantidades:
Ops! Esse produto encontra-se indisponível.
Deixe seu e-mail que avisaremos quando chegar.
Ops! Esse produto encontra-se indisponível.
Deixe seu e-mail que avisaremos quando chegar.
Ops! Esse produto encontra-se indisponível.
Deixe seu e-mail que avisaremos quando chegar.

Nome Científico : Merremia Tuberosa

Nome Popular: Flor de Pau   ou  Cipó Café

Espécie : Trepadeira Agressiva

Recurso Floral : Nectar e  Pólen

Floresce: Outono e Inverno

Resistente  a Geadas  Leves

Ápice da florada  no segundo Ano

NOMENCLATURA E SIGNIFICADO: CAFÉ DE CIPÓ; o nome indígena e sua etimologia ou significado não foi encontrado. Também é chamada de Rosa de madeira ou Flor de pau.ORIGEM: Trepadeira que ocorre nas bordas de matas e em clareiras das formações florestais da mata atlântica e florestas semideciduais, aparecendo com alguma raridade nos estados da Bahia, Minas Gerais, Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo e Paraná, Brasil.Características: são lianas ou trepadeiras volúveis (que cresce e se enrola sem direção), perenes, e com ramos bastante ramificados desde a base, com cipós que crescem por 10 ou mais metros de comprimento. Os ramos mais novos são cilíndricos, verdes escuros e se feridos deixam escorrer látex incolor; os ramos mais velhos são lenhosos e tem coloração castanho escura. As folhas são alternadas, membranáceas (textura delicada), palmadas com 6 lobos ou recortes profundos, fixada sob pedúnculo marrom avermelhado de 8 a 15 cm de comprimento. As folhas tem lobos ovados (como ovo), são oblongos (mais longo que largo) e com ápice curto acuminado (ponta curta), medindo 4,5 a 9 cm de comprimento por 1,8 a 2,7 cm de largura. As flores surgem em inflorescências axilares e dicasiais (com uma flor terminal após produzir 2 ramos ou flores laterais) com pedúnculo (haste ou suporte) de 10 a 15 cm de comprimento. A flor é grande, de cor amarela, campanulada (como sino) na base, com sépalas ligadas e homogenias medindo 2,5 a 3,8 cm de comprimento. Os frutos são do tipo cápsula com brácteas de proteção grandes do tipo e coloração de palha seca de milho. No centro se encontram de 1 a 4 sementes pretas angulosas de 1 a 1,5 cm de diâmetro, com superfície pilosa e aveludada. É trepadeira de crescimento rápido que resiste a baixas temperaturas (até -2 graus), vegeta bem desde o nível do mar até altitudes superiores a 1.000 m. O solo deve ser profundo, úmido, neutro, com constituição arenosa ou argilosa (solo vermelho). É preciso plantas no mínimo 2 plantas para uma melhor produção, visto que a planta requer polinização cruzada. Convém fazer parreira com no mínimo 6 ou 7 m de distancia de outras plantas, porque essa espécie cresce vigorosamente e pode sufocar plantas que estiverem muito próximas. Essa espécie começa a produzir com 2 anos após o plantio. As sementes são angulosas e conservam o poder germinativo por até 2 anos se forem guardadas secas e limpas em embalagens escuras. As sementes podem ser plantadas (1 ou 2 por embalagem) em saquinhos individuais com diâmetro mínimo de 10 cm e altura de 22 cm, que devem ser preenchidos com substrato composto de 40% de terra vermelha de superfície, 20% de areia saibro e 40% de composto orgânico bem curtido. As sementes germinam em 15 a 30 dias e as mudas atingem 40 cm de altura em 3 a 4 meses, ocasião em que já podem ser plantadas no local definitivo. Tanto na faze de plantio como na face de crescimento, os saquinhos com sementes ou mudas devem ficar em pleno sol e receber irrigação suave uma vez por dia.Plantando: Plantar no mínimo 2 plantas para que haja polinização cruzada e boa frutificação. O espaçamento mínimo entre plantas é de 5 x 5 m, onde deve ser abertas covas de 50 cm de profundidade, 40 cm de comprimento e 40 cm de largura. Os 30 cm da terra de superfície deve ser reservados e adiciona-se 500g de farinha de osso ou 300 g de calcário, mais 1 kg de cinzas e 10 kg de matéria orgânica bem curtida, misturando bem todos os componentes, deixando curtir por no mínimo 2 meses. Nesse período uma parreira deve ser construída com o uso de 6 mourões ou poste de concreto que tenham 2,20 m de comprimento. Os mesmos serão fincados numa distancia de 3 m de largura entre filas e 2,5 m entre mourões. As covas para se fincar os mourões devem ter 60 cm de profundidade de moto que sobre 1,60 na altura, aonde na cabeça dos mourões deve ser amarrados e prega dos arames que vão tutorar os galhos trepadores. Depois que os arames das bordas e centrais forem bem fixados, deve-se fazer uma malha passando arames nº 18 a 40 cm de distancia no sentido do comprimento e largura, dando uma volta ao cruzarem entre si. Depois de pronta a parreira, chegou a hora do plantio que deve ser feito em outubro a novembro, ocasião em que se deve fincar uma taquara que leve o cipó até a rede de arames. A medida que o cipó crescer esse deve ser amarado até que alcance os arames.Cultivando: É planta de rápido crescimento e surgem vários brotos ou galhos na base da planta, devendo podá-los e conduzir 2 ou no máximo 3 cipós até os arames, depois a própria planta vai ocupar toda a rede de arames. A poda de condução deve ser feita no primeiro ano de plantio, sempre eliminando os brotos ladrões que nascerem no caule principal ou aqueles que a partir dos arames estiverem crescendo para baixo em direção ao chão.

Produtos relacionados

Pague com
  • Mercado Pago
  • Mercado Pago
Selos
  • Site Seguro

RICARDO CAMILO RAIZER - CPF: 420.497.849-53 © Todos os direitos reservados. 2024


Para continuar, informe seu e-mail